Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

CDTN e LAPOC recebem acreditação do Inmetro

 

   O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) concedeu acreditação a duas unidades da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) nestes primeiros dias do mês de janeiro. O Laboratório de Calibração de Dosímetros (LCD) do Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear (CDTN) obteve, no dia 5 de janeiro, o Certificado de Acreditação nº CAL 0636 da Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro. No dia 6 de janeiro, o Laboratório de Poços de Caldas (LAPOC) obteve o Certificado de Acreditação nº CRL 1.225.

O Certificado obtido pelo LCD/CDTN representa a 1ª acreditação do CDTN junto ao Inmentro e é a expressão formal do reconhecimento da competência institucional para realizar calibrações de medidores de equivalente de dose individual e, também, da solidez do Sistema de Gestão da Qualidade implantado no CDTN, segundo os requisitos estabelecidos na norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005.

A acreditação é, antes de tudo, uma segurança para os clientes e usuários de que o LCD/CDTN adota os princípios internacionais de controle e gestão da qualidade, bem como os requisitos de confiabilidade e rastreabilidade metrológica.

O LCD/CDTN cumpriu, assim, o compromisso com o Sistema Brasileiro de Tecnologia (Sibratec) do MCTIC, que financiou melhorias no Laboratório e apoiou ações de qualificação dos profissionais e auditorias, no âmbito da Rede de Serviços Tecnológicos em Radioproteção e Dosimetria (Metroradi).

O sucesso desta conquista é fruto de um esforço e persistência, durante mais de dois anos, da equipe técnica do LCD/CDTN, bem como das pessoas do apoio técnico e administrativo, e do comprometimento da alta Direção do CDTN na busca da acreditação de seus laboratórios.

 

 

LAPOC - O Laboratório de Poços de Caldas recebeu acreditação para um total de treze determinações distintas, tanto da área química como da área radiométrica. A comunicação oficial desta conquista foi enviada ao LAPOC no dia 6 de janeiro pela Divisão de Acreditação de Laboratórios (Dicla) da Coordenação Geral de Acreditação (Cgcre) do Inmetro.

A acreditação refere-se à norma de qualidade em laboratórios ISO/IEC 17025.  Esta certificação consiste no reconhecimento formal da competência do LAPOC na realização de serviços de análises químicas e radiométricas específicas. O LAPOC passou a integrar a RBLE - Rede Brasileira de Laboratórios de Ensaio - do Inmetro.

Vale destacar o pioneirismo do LAPOC ao ser o primeiro laboratório do Brasil a receber acreditação do Inmetro para determinação de radionuclídeos. O laboratório pretende investir não apenas na manutenção das acreditações obtidas como também na ampliação das atividades com este importante reconhecimento.

Segundo o gerente da Qualidade do LAPOC, Rodrigo Bonifácio, "a acreditação encerra com total êxito um ciclo iniciado em 2011, a partir da participação de praticamente todos os colaboradores do LAPOC em vários projetos e ações de âmbito interno, nacional e internacional para adequação dos serviços analíticos aos exigentes requisitos de qualidade da norma ISO 17025".

registrado em:
Fim do conteúdo da página